Buscar
  • BrincArte

Qual a importância de se construir brinquedos com as crianças?


Crianças constroem personagens, histórias, cenários e mundos inteiros para as suas brincadeiras. Agora imagine só se estas narrativas ganhassem vida através de objetos construídos pelas mãos dos próprios criadores destes mundos. Seria fantástico, não é mesmo?

Pois existe, hoje em dia, uma crescente demanda de profissionais da área da infância por resgatarem brincadeiras tradicionais e de antigamente. Dentro destas brincadeiras, uma delas figura como um importante elo perdido no valor que as crianças atribuem aos brinquedos: a sua construção. Quem aí já teve um carrinho construído pelo avô ou mesmo já construiu o seu próprio brinquedo com materiais que sobraram das compras ou dos produtos que acabaram em casa? Quando eu era pequeno, eu adorava transformar caixas de papelão em grandes castelos para figurarem como cenários para os meus bonecos.

Quando a criança constrói um brinquedo ela emprega toda a sua energia nesta construção, atribuindo sentimentos a cada elemento da sua personalização. O brinquedo fica mesmo com a sua cara, pois é espelho de todo o seu mundo interior. A criança tem, em suas mãos, todos os seus sonhos e os seus anseios simbolizados em seus mundos particulares. É com estas mãos, cheias de significados, que ela constrói os seus brinquedos. Além de incentivarem a criatividade na execução de um projeto ideal, a criança aprende a se tornar mais autônoma e autoconfiante por concretizar sua ideia em algo único e singular feito pelas suas próprias mãos. É também com seu esforço que ela passa a ter maior cuidado e amor pelo brinquedo, afinal ele é a representação de uma parte importante do enorme mundo de fantasias que ela carrega consigo.

Quando um adulto direciona esta construção e propõe os materiais corretos para as crianças, a construção passa a ser potencializada por estas boas escolhas. É claro que, se você entregar pedaços de madeira, um cerrote e pregos a uma criança pequena, ela não conseguirá produzir nada efetivo. Mas se você adequar às necessidades de cada criança os materiais corretos, ela conseguirá expressar com maior qualidade estes mundos de sonhos que ela tanto anseia externalizar. Por isso não se esqueça: nenhum brinquedo terá valor sentimental maior que um produzido pelas próprias mãozinhas dos nossos pequenos.

59 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo