Buscar
  • BrincArte

O que é musicalização?

Atualizado: 21 de jan. de 2020


Um dos principais atributos cerebrais da música é estimular o corpo caloso. Ele é responsável pela conexão entre os dois hemisférios. Quando praticamos, estudamos ou mesmo ouvimos música o nosso corpo caloso entra em ação para orquestrar as funções de ambos os hemisférios. A maior parte dos seres humanos são sensíveis à música e sofrem alterações instantâneas em sua mente e em seu corpo assim que entram em contato com esta arte.

Você aí já se pegou ouvindo uma música e batucou com as mãos na perna ou mesmo já imitou alguém tocando bateria? Estas e outras interações tornam as pessoas mais sensíveis à música, de modo que elas percebam os eventos sonoros de maneira cada vez mais completa, entrando em sintonia com a musicalidade que está à sua volta.

Musicalizar é tornar-se sensível à música. O termo musicalização está, em grande parte, associado à infância, mas não é somente nesta fase que nos musicalizamos. Podemos nos musicalizar em qualquer momento de nossas vidas e em diferentes graus em relação à aprendizagem. Na infância a musicalização está atrelada às noções musicais básicas, como sensibilidade a ritmos rápidos e devagares, percepção de sons agudos e graves, dentre outros fatores. A musicalização tenta tornar acessível às crianças o entendimento de aspectos mais complexos da música, trazendo para o universo lúdico delas estes conceitos. Desta forma, é através de jogos e brincadeiras que a educação é travada, de maneira a dar fluidez para a aquisição dos conteúdos.

Musicalizar é dar vida ao imaginário infantil através dos sons, trazendo para a superfície tudo o que as crianças ouvem em seu cotidiano, mostrando-lhes sempre algo novo ou uma maneira nova de enxergarem este universo. Na musicalização os pequenos tocam com as mãos, com os pés, com colheres e até com copos, entendendo com o corpo inteiro como funciona esta arte tão antiga.

38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo